WEB RÁDIO APAIXONADOS POR RÁDIO

terça-feira, 24 de abril de 2018

Segunda instância derruba condenação e absolve jornalista

José  Carlos Magdalena havia sido condenado a três meses de prisão em regime semiaberto após processo movido pela Câmara de Araraquara
Segunda instância derruba condenação e absolve jornalista



 O jornalista José Carlos Magdalena, apresentador do Jornal da Morada, das rádios Morada AM/FM, e do programa Painel Paulista, da TV Cultura Paulista, foi absolvido por unanimidade do processo movido pelos 18 vereadores da Câmara Municipal de Araraquara.
Em novembro do ano passado, Magdalena havia sido condenado a pagar cerca de R$ 421 mil – correspondente a 15 salários mínimos por dia pelo prazo de 30 dias – e três meses de prisão em regime semiaberto após decisão da juíza de Direito Josiane Patrícia Cabrini, da 3ª Vara Criminal do Tribunal de Justiça de São Paulo – Comarca de Araraquara.
A defesa recorreu e, em julgamento em segunda instância, realizado na tarde desta terça-feira (24),  a condenação foi derrubada. O voto levou em consideração a liberdade de expressão e de imprensa e a crise política que afeta o país, momento em que a atuação da imprensa se faz mais do que necessário.
O jornalista está em viagem de férias e vai se pronunciar sobre a decisão no Jornal da Morada dessa quarta-feira (25), a partir das 7 horas, na Radio Morada AM/Fm. O programa também pode ser assistido pela internet pelo Portal Morada (portalmorada.com.br)  ou pelo facebook (facebook.com/portalmorada)


FONTE: Portal Morada

MELHORES MOMENTOS DO PROGRAMA PANICO DAS ANTIGAS

Consegui recuperar algumas fitas k7 nesse final de semana e achei alguns bons programas panico da rádio jovem pan nos anos 2000.  Em breve postarei mais áudios aqui no blog ou no face do blog

Adriano

Confira abaixo alguns programas. 





















Obrigado a todos pela grande audiência. Estou muito feliz pelo retorno de vocês. Você pode ouvir a nossa web rádio através do Computador no apaixonadosporradio.com e nos celulares aplicativo RadiosNet App e http://radio.garden/live/araraquara-sp/apaixonados-por-radio



quinta-feira, 19 de abril de 2018

Ladrão invade rádio durante programa ao vivo, e apresentador pede ajuda

Um suspeito invadiu as instalações da Rádio Cultura do Nordeste, em Caruaru (PE), enquanto se realizava a transmissão ao vivo do programa "Você Faz o Programa", na noite desta terça-feira (17).

De acordo com informação divulgada pela emissora, o apresentador Edmilson Souza foi informado pelos entrevistados sobre a invasão de um homem armado e usando capuz, por volta das 23 horas.


Mesmo com a tensão, o apresentador que estava no ar decidiu não interromper a programação, mas pediu ajuda aos ouvintes. Até agora ninguém foi preso.



(Assista ao vídeo abaixo, a partir do trecho 1 hora 58 minutos ).




FONTE: UOL


segunda-feira, 16 de abril de 2018

MORRE PAULO BARBOZA





MORRE AOS 73 ANOS DE IDADE, VÍTIMA DE UM INFARTO FULMINANTE O RADIALISTA E COMUNICADOR PAULO BARBOZA.

PAULO. VELÓRIO COMEÇA LOGO MAIS A PARTIR DAS 9H DA MANHÃ E CREMAÇÃO ÀS 17H NO CREMATÓRIO HORTO DA PAZ, RUA HORTO DA PAZ, 191 – EM ITAPECERICA DA SERRA.


INFORMAÇÕES : ADRIANO BARBEIRO



quarta-feira, 11 de abril de 2018

RUY BALLA VOLTA PARA RIBEIRÃO PRETO

Ruy Balla está de volta a ribeirão preto na Difulsora Fm em Ribeirão Preto onde começou na Clube fm e também na qual foi coordenador em 1991. 

Depois de quase 20 anos, de volta na Difusora de Ribeirão comando o  "Mandando Balla". 
De segunda à sexta das 12 às 14 horas pelos 91,3 ou pelo link:
http://difusorafm.com.br/player/ .

Rui Balla foi um dos que passou pelas lentes do blog Apaixonados por Rádio. 

Confira a entrevista com o radialista Ruy Balla ex Rádio Jovem Pan e Transamerica de São Paulo.


domingo, 8 de abril de 2018

JOVEM PAN UMA COBERTURA DIGNA PARA UMA RÁDIO DO BRASIL

A imagem pode conter: 8 pessoas, pessoas sorrindo

Espetacular a cobertura da prisão do ex-presidente Lula na Jovem pan. Desde quinta-feira, a Jovem Pan News vem informando o Brasil de uma forma ininterrupta, respeitando os ouvintes da Panamericana  com qualidade de informação, em áudio e vídeo e valorizando o trabalho de repórteres, cinegrafistas , âncoras e comentaristas dessa emissora.
A Jovem Pan bateu todos os Records de audiência tanto no rádio Am 620 klz e no Fm 100,9 em São Paulo, mais principalmente no Facebook e no Youtube, 

Assisti e ouvi uma  cobertura impar , histórica e me lembrei dos tempos em que fazia cobertura em minha cidade natal na época do ex prefeito Buzza em Ribeirão Bonito , interior de São Paulo, históricas coberturas com audiência recorde naquela cidade. 

Tempos em que repórteres estavam nas ruas descrevendo com precisão os acontecimentos. Tive o privilégio de viver esses tempos antigamente na  Rádio Bj, onde eu comecei o meu trabalho profissional.

A imagem pode conter: 4 pessoas, incluindo Fernando Martins, pessoas sorrindo, selfie e close-up
Foto extraído do Facebook de Fernando Martins 


Parabéns para o Patrick Santos gerente de jornalismo, e ao diretor de jornalismo José Carlos Pereira e todos da equipe desde aos ancoras até a retaguarda da Jovem Pan. 

O rádio ainda está vivo!

Adriano. 

adriano.radialista@bol.com.br 

Este vídeo abaixo é para história.


ÚNICA FM COMPLETA 4 ANOS NO AR

Única fm 101,3 Completa hoje 4 anos no ar, a rádio é uma concessão de Américo Brasiliense e pertence ao Sistema Integrado Roberto Montoro de Comunicação das Rádios Morada Am/Fm e Rádio Cultura Am/Fm.


A emissora é muito bem ouvida em toda a região com sua programação adulta qualificada de alto nível, baseada em um mix de músicas nacionais e internacionais, selecionadas que agradam em cheio o público das classes A/B/C com mais de 25 anos.

Confira o link abaixo um pouco do inicio dos trabalhos da Única fm  em 2014.

sábado, 7 de abril de 2018

Repúdio às agressões contra a imprensa em São Bernardo do Campo

Diante das intimidações e agressões sofridas por algumas equipes de reportagem na cobertura da prisão política do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado de São Paulo  (SJSP) tem o dever de informar e esclarecer o que segue:



1 - Condenamos qualquer tipo de violência contra os jornalistas, que são trabalhadores em pleno exercício profissional. Qualquer agressão ou tentativa de censurar esses profissionais é incoerente com a nossa defesa da democracia, e das liberdades de imprensa e de expressão;
2 - Condenamos que algumas pessoas que querem protestar contra os meios de comunicação o façam agredindo os profissionais - mesmo com todo o espaço que a organização da manifestação, a partir da CUT, deu publicamente para a questão do respeito aos jornalistas;
3 - Registramos que, desde quinta-feira à noite (5), dirigentes do SJSP estiveram presentes junto à imprensa, dialogando com os manifestantes e intervindo sempre que possível. Registramos, ainda, que no final da tarde deste sábado (7), conversamos com a direção do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, que reafirmou que sua posição é a de garantia de respeito ao trabalho de todos os jornalistas em suas dependências;
4 - Essa situação lamentável é resultado também da política das grandes empresas de comunicação, que apoiam o golpe, e que adotam uma linha editorial de hostilidade contra as organizações populares.
5 - Tais empresas apoiam as medidas antipopulares de Michel Temer (MDB) e querem aplicar as “reformas” contra os seus trabalhadores. Hoje mesmo, os jornalistas de Rádio e de TV do estado de São Paulo estão sem piso salarial e outros direitos, desde 20 de janeiro. As empresas também querem cassar a cidadania de seus jornalistas, achando que podem impedir que os profissionais expressem livremente suas convicções políticas (nos perfis pessoais de redes sociais, ou em manifestações);

6 - Para impedir que casos de agressão e tentativas de censura se repitam é preciso que se retome a  democracia, o que só será possível com Lula livre e com a garantia de o povo brasileiro poder votar legitimamente nas eleições de 2018.
7 – Consideramos que o Sindicato e a categoria precisam discutir rapidamente novas medidas de proteção ao nosso exercício profissional.

São Bernardo do Campo, 7 de abril de 2018.
Direção - Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado de São Paulo
http://www.sjsp.org.br/noticias/repudio-as-agressoes-contra-a-imprensa-em-sao-bernardo-do-campo-3689

IMPRENSA AGREDIDA, ATÉ QUANDO ?

A imagem pode conter: 1 pessoa, óculos e texto

Está cada vez mais difícil trabalhar como jornalista no brasil . O que estamos acompanhando na cobertura da prisão de Lula é algo inaceitável. Eu ( Adriano ) estou acompanhando meus companheiros e amigos jornalistas de rádio e televisão sendo agredidos gratuitamente e ainda mais, os profissionais estão exercendo apenas o seu trabalho.


Até onde eu sei, a imprensa é livre!

Adriano. 




















sexta-feira, 6 de abril de 2018

O FIM DO RÁDIO E NÃO DO RÁDIO AM

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas

Escrito por Indalecio Oliveira 


Hoje, do nada, assim como quem procura um emprego folheando um jornal, procurei "ouvir" um pouco das emissoras de rádio da minha cidade - São Carlos, no Estado de SP. Jesus, Maria José do cabelo em pé.... fim mesmo. Encontrar uma concordância verbal seria mais dificil que o rico entrar no reino dos céus após 50.000 camelos passarem pelo mesmo buraco de agulha...Para os "radialistas recém-formados", que fugiram da aulas de português(brasileiro), aí vai o que é uma concordância verbal (Concordância verbal é a concordância em número e pessoa entre o sujeito gramatical e o verbo), ou seja, meus caros preclaros "colegas"... uma pessoa lê. 


Duas ou mais Lêem(3a. pessoa do plural ao sitar - Eles Lêem muitos livros)...eles fazem, eles fizeram...Hoje ouvi, - "eles faiz isso memo"... Com isso, ouço e ouvi que os comerciais passaram, geograficamente, à serem cada vez mais distante do centro ou da região central... com isso, quero dizer que o comerciante dos bairros não devem investir em rádio??? A Reposta é: Muito pelo contrário. 


O rádio ainda se mostra presente no seio das famílias...isso reflete o que deve ser ou estar sendo cobrado pela tal "propaganda" e, olha lá, se a mesma não for ou, não forem, "permutinhas" baratas... Ouvi uma grande rede de rádios também chegando ao fim de forma apelativa. Ao se "evocar o poder das luzes em horas mágicas", deixou-se uma matéria local suspensa no ar... o "comunicador local" não teve tempo de encerrar a parca oratória(pobre, mas interessante)...para, do nada, entrar uma "oração paulista de grande monta"... Mais uma vez evoco o poder de Jesus, Maria José do cabelo em Pé para esse retrocesso do Rádio interiorano... o que me interessa às 18:00hs saber como está o "trânsito na Avenida Paulista em SP", se o comunicador local não terminou de falar de um crime que ocorreu num raio de 10Km da minha casa? 


O que me interessa se a "Dona Mariinha da Vila Cadelinha do Norte" tem um buraco na frente da casa dela??? No rádio de hoje, na minha modesta opinião, faltam profissionais de verdade...sabem quando vocês, "queridos ouvintes", ouvirão novamente um Zé Bettio ou, local, um comunicador de voz padrão ou ainda um comunicador que não fica fazendo drama, não fica com uma "polêmica sistêmica", de um vereador comprado por duas horas no ar, à troco de permutinha no restaurante da mariinha ou de um botijão de gás??? 


Nunca mais!!! Por mais "TALENTO" que alguém possa ter para o rádio, o primeiro obstáculo é a porcaria do SINDICATO criado nos anos 90. Esse Sindicato dos Radialistas, em conchavo político, exige, coíbe e persegue quem tem talento, para impor que, "apenas quem fez o Curso de Radialista, possa falar em rádio" e com a péssima qualidade do português acima relatada... Minhas esperanças cairiam sobre as Webs-Radios, trabalho em uma e, posso lhes assegurar, mesmo nessas, existe uma politicagem suja, traiçoeira dos incompetentes e marginalizados de administrações públicas que impede a qualidade e querem $$$ a qualquer custo... Tente criar algo diferente....algo inteligente... já Era...aliás... dizem que a Época de Ouro do Rádio está entre os anos 30 e 40 do Século Passado....cada vez mais creio piamente nisso... quer ouvir algo de qualidade??? Desligue o Rádio e vá para o MP3 ou, ouçam, as 19:00hs - A Voz do Brasil!!!!



Texto Escrito por Indalecio Oliveira. 



Nota do  Blog: Conheça os trabalhos de Indalecio Oliveira ou simplesmente Indalecio Alvez em entrevista ao blog no ano passado.



quinta-feira, 5 de abril de 2018

Emissoras de rádio já podem flexibilizar horário do programa A Voz do Brasil

http://mkt.abert.org.br/recursos/798bd2592012b3daf65957f89e095eb6/Image/abert_email_cabec_alho_urgente.png

A partir de hoje (5) as emissoras de rádio estão autorizadas a flexibilizar o horário de transmissão do programa A Voz do Brasil.

A Lei nº 13.644 de 4 de abril de 2018, publicada nesta quinta-feira no Diário Oficial da União (DOU), permite que as emissoras comerciais possam transmitir o programa, sem cortes, entre 19h e 22h, no horário que for melhor para cada rádio.

Já as emissoras  educativas vinculadas aos poderes legislativos municipais, estaduais e federal somente poderão flexibilizar o horário do programa em dias de sessão legislativa.  Para as demais emissoras educativas a transmissão do programa permanece às 19h.

De acordo com a lei sancionada, as emissoras que optarem por flexibilizar o programa ficam obrigadas a veicular, diariamente, às 19h, inserção informativa sobre o horário de transmissão da Voz do Brasil.

Também foi publicado no DOU desta quinta-feira o Decreto nº 9.329 (veja aqui) que atualiza a regulamentação da profissão de radialista. O novo texto atualizou o quadro de funções de radialista.

Para a revisão do decreto foram considerados dois critérios: as novas tecnologias, equipamentos e meios de informação e comunicação; e as funções técnicas ou especializadas próprias das atividades de empresas de radiodifusão.

 

Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão